DOIS POEMAS CURTINHOS.

ENTERRANDO

Minha culpa
Minha tão grande cool pá

ENTRE

O poema não me diz nada
Quando diz tudo

O poema não me diz tudo
Quando não diz nada

Saturday, February 02, 2008

1 Comment:

YEHUDA said...

nada é invisível
não é divisível,
mas é incrivel
como faz falta

 
Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu
Templates Novo Blogger