Friday, December 21, 2007

4 Comments:

hm said...

lindas tuas cores!
sempre

Cássio Amaral said...

Ducaralhaço tudo!!!

O poema abaixo escravidão ou escrotidão, puta que me pariu. Esse racismo barato do nosso país, nós somos negros e pronto porra!!! E em cana que dá porrada no coitado que é da mesma cor.
Brou, tua tela é o estilhaço que gosto, admiro e uivo.

Abração.


Cássio Amaral.

P.S. Tô ouvindo John Mayer.
Risos.

YEHUDA said...

o rosto parecem com alguém ninguém,
as cores parecem falar na paz

Pó & Teias said...

Olá,
somos do grupo Pó&Teias, da Biblioteca Pública do Paraná!
Gostei das tuas poesias e convido-te a visitar nosso blog, que é coletivo!
(procure um poeta chamado Rodrigo Madeira, entre outros)
abraços.
Ricardo Pozzo

 
Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu
Templates Novo Blogger