PUNK


Sexo

À Denise e à Valéria

Sexo nas pistolas
Que esporram
Gomalina na garotada

Moicanos negros
Desbotam a noite
Nos coturnos

Em algum telhado
Dentro do crepúsculo
Surge Cubatão

Onde cabelos
De várias cores
Coloriam as Dolores

Duran-durante
O pó saudável
Que em mim

Agüente

Saturday, September 29, 2007

2 Comments:

iosif yehuda said...

Rodrigo
pintor e poeta,
cometa com talento,
cantador da dor,
do tesão na prisão,
doce como um beija flor,
não sai nem por um caralho,
talvez por uma buceta honesta,
como um Diogenes de computador aceso
procura, procura e procura,
qualquer dia acha
e quando isso acontecer,
saiam da frente
que o Mundo vai estremecer

Amanda said...

Fantástico esse moicano. Ou seria punk yuppie? Talvez uma criança brincando de índio... uma expressão simples e profunda de um eterno observador. Um beijo. Continue com sua arte.

 
Wordpress Themes is proudly powered by WordPress and themed by Mukkamu
Templates Novo Blogger